TV Câmara – Programa “Sem Recesso” de 06/01/2011 – Tema: regulamentação de LAN-Houses. Entrevista com Felipe Porto, que “chuta o balde” quando alegam que a solução para controlar o conteúdo ilegal da internet virá através da “educação e conscientização do povo brasileiro”. Quando essa utopia vai acontecer? Daqui a quantas décadas? Daqui a quantas gerações? Muito legal, só que no Brasil isso nunca vai acontecer.

Enquanto isso, continuamos cada vez mais campeões mundiais disparados de tudo que não presta na internet, é MSN, Orkut, Twitter, Facebook, Youtube, é pirataria de software, filmes e música, hackers, pornografia, pedofilia, enfim, tudo aquilo que o brasileiro vagabundo mais procura na internet, em vez de utilizar o potencial da internet para aumentar sua cultura, educação, informação.

Infelizmente na TV, em cadeia nacional, é preciso medir as palavras e não se pode dizer tudo que se pensa, ainda mais num país habitado por uma maioria de “patri-idiotas” como o nosso. Esta entrevista foi a inspiração que deu origem aos posts seguintes a este, em torno do tema “BRASILEIROS, AS BARATAS DA INTERNET”, leia a seguir:

BRASILEIROS, AS BARATAS DA INTERNET:

http://www.felipeporto.com.br/?p=470

PNBL: O DESASTRE FINAL:

http://www.felipeporto.com.br/?p=467

HORAS PERDIDAS COM INTERNET, UM DESASTRE NACIONAL:

http://www.felipeporto.com.br/?p=444

Facebook Comments